Hoje conversei com alguém que, mesmo não me conhecendo, separou um pouco do seu tempo para ouvir os meus problemas e me ajudar a encontrar uma saída. Esse alguém me contou que quando se toma uma decisão você nunca ganha 100%, sempre terá de sacrificar algo importante (principalmente quando não depende só de você). Talvez seja verdade, talvez seja por isso que nós escolhemos uma vida cheia de indecisões. Rosa ou Azul? Amigos ou Namorado? Festa ou Viagem? Cada escolha feita nos obriga a deixar alguma coisa pra trás, e cabe somente a nós mesmos decidir o quê.

Hoje eu decidi seguir a minha vida pensando em mim, tomar decisões visando principalmente o que me fará melhor. Isso não é egoísmo, é amor próprio. Ninguém vai te colocar no topo da lista de prioridades, não faça isso também. Quem terá que arcar com as consequências de nossas decisões e escolhas feitas somos nós mesmos, ou em algum momento pensou que fosse diferente?
Às vezes, precisamos levar uma facada de uma vez ao invés de ficar remoendo tudo. Por mais que o que deixaremos pra trás nos faça bem, pode não ser o que realmente precisamos. Repita isso sempre que estiver indeciso: "É o que eu quero? É o que eu preciso? É o que vai me fazer bem?" e coloque as respostas na balança. Se duas delas forem "sim", faça. Independente do que te disserem. E se doer depois, tudo bem, a vida foi feita pra se viver apenas uma vez, ou vai deixar de fazer o que quer por medo de sofrer depois? Não, isso é só para os fracos.
Não tome decisões baseadas na vontade dos outros, faça por si mesmo. Escolha porque te faz bem, nada além disso. E o mais importante: viva por você.

Deixe um comentário

Se chegou até aqui, gostou do post e quer comentar, siga o blog. Assim você receberá todas as novidades em seu feed. Sem spam, por favor. Mas se quiser deixar o link de seu blog embaixo do comentário fica à vontade, adoro acompanhar o blog de todos que me acompanham também! Beijos, volte sempre. ♥